Estudo Candeia –

Categories: Candeia

Uma vida centrada em Cristo

Filipenses 3. 1-21

1 Finalmente, meus irmãos, alegrem-se no Senhor! Escrever-lhes de novo as mesmas coisas não é cansativo para mim e é uma segurança para vocês.

2 Cuidado com os cães, cuidado com esses que praticam o mal, cuidado com a falsa circuncisão!

3 Pois nós é que somos a circuncisão, nós que adoramos pelo Espírito de Deus, que nos gloriamos em Cristo Jesus e não temos confiança alguma na carne,

4 embora eu mesmo tivesse razões para ter tal confiança. Se alguém pensa que tem razões para confiar na carne, eu ainda mais:

5 circuncidado no oitavo dia de vida, pertencente ao povo de Israel, à tribo de Benjamim, verdadeiro hebreu; quanto à lei, fariseu;

6 quanto ao zelo, perseguidor da igreja; quanto à justiça que há na lei, irrepreensível.

7 Mas o que para mim era lucro, passei a considerar perda, por causa de Cristo.

8 Mais do que isso, considero tudo como perda, comparado com a suprema grandeza do conhecimento de Cristo Jesus, meu Senhor, por cuja causa perdi todas as coisas. Eu as considero como esterco para poder ganhar a Cristo

9 e ser encontrado nele, não tendo a minha própria justiça que procede da lei, mas a que vem mediante a fé em Cristo, a justiça que procede de Deus e se baseia na fé.

10 Quero conhecer a Cristo, ao poder da sua ressurreição e à participação em seus sofrimentos, tornando-me como ele em sua morte

11 para, de alguma forma, alcançar a ressurreição dentre os mortos.

12 Não que eu já tenha obtido tudo isso ou tenha sido aperfeiçoado, mas prossigo para alcançá-lo, pois para isso também fui alcançado por Cristo Jesus.

13 Irmãos, não penso que eu mesmo já o tenha alcançado, mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que ficaram para trás e avançando para as que estão adiante,

14 prossigo para o alvo, a fim de ganhar o prêmio do chamado celestial de Deus em Cristo Jesus.

15 Todos nós que alcançamos a maturidade devemos ver as coisas dessa forma, e se em algum aspecto vocês pensam de modo diferente, isso também Deus lhes esclarecerá.

16 Tão-somente vivamos de acordo com o que já alcançamos.

17 Irmãos, sigam unidos o meu exemplo e observem os que vivem de acordo com o padrão que lhes apresentamos.

18 Pois, como já lhes disse repetidas vezes, e agora repito com lágrimas, há muitos que vivem como inimigos da cruz de Cristo.

19 Quanto a estes, o seu destino é a perdição, o seu deus é o estômago e têm orgulho do que é vergonhoso; eles só pensam nas coisas terrenas.

20 A nossa cidadania, porém, está nos céus, de onde esperamos ansiosamente um Salvador, o Senhor Jesus Cristo.

21 Pelo poder que o capacita a colocar todas as coisas debaixo do seu domínio, ele transformará os nossos corpos humilhados, para serem semelhantes ao seu corpo glorioso.

Encontro – Quebra Gelo:

Na sua vida o que lhe proporciona maior alegria?

 

Exaltação: 

  1. Cântico 1 – _________________________________.
  2. Cântico 2 – _________________________________.

 

Edificação:

 

Verdade

 

       Neste capitulo, Paulo caminha para o final da sua carta aos Filipenses, trazendo alguns resultados de uma vida centrada em Cristo. Ele afirma que é possível ter alegria, ser feliz mesmo numa prisão ou sendo perseguido.

 

       Diante desta verdade o apóstolo alerta a igreja para o perigo gerado pelos judaizantes, aqui chamados de cães, pois para eles a salvação e a justiça dependem da circuncisão e da lei: a primeira é a porta de entrada para a família de Deus e a segunda é capaz de levar o homem a ser justo pelos seus próprios méritos. O que não é verdade! Pois tanto uma como a outra são dons de Deus e resulta da fé em Cristo. Um religioso com suas boas obras, habilidades e talentos pode estar apenas enfatizando a sua natureza pecaminosa, e desprezando o sacrifício de Cristo para conquistar a salvação pelos seus próprios méritos e justiça.

 

       Cuidado com os pecados de estimação e fontes de alegrias inegociáveis, pois as marcas de um cristão autêntico são: sentir profunda tristeza quando comete pecado, disposição para mudanças e se deixa conduzir pelo Espírito Santo de Deus. Ser cristão significa estar em guerra constante contra sua própria justiça e natureza pecaminosa.

       Diante desse quadro, Paulo diz aos judaizantes: se vocês pensam que possuem uma boa conduta, a minha é melhor, mas por Cristo considerei tudo como perda, para ganhar a Cristo. A ordem de Paulo para a igreja é: “Sede meus imitadores” (Fp 3.15-17).

 

Capacitação

1)- O que levou Paulo a se preocupar tanto com os judaizantes (os cães)?

2)- Quais são os cães que mais ameaçam a sua vida com Deus hoje?

3)- As credenciais religiosas de Paulo foram insuficientes para salvá-lo. E as suas serão? Explique!

Prestação de Contas

1)- Paulo pagou um alto preço para conhecer a Cristo. E você quanto está disposto a pagar?

2)- O que mais gera prazer a você: seus amigos, sua carreira, seus talentos, sua posição?!…

3)- O seu relacionamento com Cristo tem prioridade sobre seus outros relacionamentos? Por quê?

Evangelização – Missão

1)- A sua conduta é um modelo para salvação daqueles que estão ao seu redor?

2)- Quem é o modelo para sua vida Cristã?

 

Oração

1)- Em oração peça hoje a Deus que você o valorize acima de tudo e de todos?

2)- Em oração peça a Deus que o conduza à uma vida centrada em Cristo?

 

Versão para impressão